Trigo de Origem – Segunda Visita à Fazenda São José em Palmeira

Coffee Hunting – Circuito Alta Mogiana 2019
agosto 13, 2019

A caminhada é longa, quase um ano de testes até a precisa configuração do melhor trigo paranaense para os melhores pães de fermentação natural, sourdough, levain, massa madre do Brasil. Moageira Irati e Eduardo não pouparam esforços até os parâmetros se estabelecerem : tolerância à fermentação, absorção d`água, miolo úmido e elástico, casca escura e crocante, sabores característicos.

Nada disso seria possível sem a intervenção dos competentes agricultores de trigo paranaenses. Lembrando, se o Paraná fosse um país seria o segundo exportador de trigo da América Latina, atrás apenas da Argentina. A fazenda de Garmater é em Palmeira, e resultado, até agora, é muito promissor.

De hoje até a colheita em outubro, se chuvas e frio se comportarem, teremos uma bela safra. Uma pequena parte dela, plantada com a varietal Sossego da sementeira Biotrigo, será colhida, segregada e armazenada na Moageira Irati com muito cuidado. O dia da moagem será exclusivamente para obtenção desta inédita farinha de trigo, 100% paranaense e que atenderá a grande onda que atinge todo Brasil, da fermentação natural, sourdough, levain, massa madre.

Eduardo, mestre padeiro do Lucca cafés especiais e o competente grupo de padeiros artesanais de Curitiba terão, muito em breve, acesso a esta farinha de trigo da Moageira Irati. Padeiros do resto do país serão atendidos após a colheita da nova safra, informa Divanildo Junior da Trilhas do trigo.

Eduardo, mestre padeiro do Lucca cafés especiais, visita Guilherme Garmater, agricultor e parceiro de primeira hora do projeto Trigo de Origem

Os comentários estão encerrados.